Você está aqui: Capa > Ensinamentos > Influência Védica nos nomes // Mahabharata
Influência Védica nos nomes // Mahabharata

Influência Védica nos nomes // Mahabharata

Quando lemos o Mahabrarata com frequencia encontramos referências geográficas ou de costumes de países muito distantes atualmente da Índia. Isso nos faz meditar na Pangéia, quando todos os continentes estavam juntos. É sabido que as rotas comerciais são mais antigas que a formação política dos países nas regiões entre Ásia e Europa. Esse artigo trata desse tema, vale para refletirmos sobre nossas origens e abrir a cabeça.
Tradução Vilas Manjari dd
Existem muitos exemplos que mostram como numerosas tradições ocidentais tem origem nos costumes védicos e como variadas linguagens são derivadas do sânscrito. No clássico Mahabharata aparecem referências a gregos lutando na batalha de Kurukshetra, no Srimad Bhagavatam se explica como muitos ksatryas (guerreiros) fugiram de Parasurama, abandonando inclusive a cultura védica para seguir com seus costumes desviados. Também existem referências de que as terras conhecidas hoje como Europa foram doadas aos netos de Pariksit Maharaj.
Um estudo rápido de etimologia (das palavras) nos ilumina sobre a questão da origem védica dos países.
No que refere aos nomes pessoais, na Europa encontramos muitos que são legados do sânscrito. Por exemplo:
Rita significa “aquele que encarna a Verdade”.
Margarita significa “aquele que segue o caminho da Verdade” ou “aquele que é devoto da Verdade” (marga=caminho, rita=harmonia, verdade)
Sócrates é Sucrutas, que significa “aquele que é lembrado pelos seus atos meritórios”
Aristóteles vem de Aritataal, “o Deus que protege de acidentes e da dor”
George provém de Garg ou de Garga Rishi, o nome  de um sábio védico
James provém de Yama, o Deus védico da morte
Nomes como César dos romanos, Kaiser dos alemães ou Czar dos russos são todos variantes do termo sanscrito Eswar/Isvara, que significa “Grande Deus”
Quanto aos sobrenomes ingleses, Roy se encontra de duas formas: Roy ou Rai que na Índia tem significado de Rei, Senhor ou Mestre. Sheila é um nome inglês de origem sânscrita que significa “mulher com caráter”. O nome Sarah é uma abreviação do nome da semideusa Sarasvati. Os termos Syr em galês antigo ou Sir no inglês moderno, não são mais do que más pronúncias do honorífico termo sânscrito Sri. O exemplo de um nome inglês como Sir Roy Henderson em sânscrito seria Sri Rai Indrasen. Por outro lado, o nome védico Hari corresponde a Krishna e trocado ao inglês cristão resulta Harry, ou colocando uma “n” resulta Henry.
Os nomes de muitos países mostram suas raízes na Cultura Védica. Por exemplo:
 - Austrália provém do termo védico Astralaya (laya: terra, astras: misséis), pode ser que tenha este nome por ter sido o lugar onde se testavam os mísseis do Brahmastra (bombas atômicas lançadas com mantras existentes em outras eras) que foram usados nas batalhas épicas descritas no Ramayana e no Mahabharata. Ditos mísseis puderam ter causado a destruição de dita terra e ter formado assim o deserto de Austrália.
- Japão, cujo nome antigo é Nippon, se refere ao Nipun em sânscrito que significa  “destro” (habilidoso) pelo qual os japoneses se observam.
- Sibéria toma seu nome da denominação sanscrita Sibiria ou Shibireeya, que indica uma região de acampamentos, isto se refere ao clima rigoroso que é adequado somente para residentes temporários antes que as pessoas se movessem para outros lugares.
- Rússia vem da palavra sânscrita Rusheeya, que se refere ao país de rushees ou rishis (santos). O termo Soviet vem do sânscrito Svet, interpretado como branco, ou “terra de neve”.
- Romênia em sânscrito  é Ramaniya, que significa atrativo, bonito.
- As montanhas dos Alpes tem seu nome tomado do sânscrito Alpas que significa pequeno, como o pequeno irmão dos Himalayas.
- Palestina toma seu nome de Palestín, um sábio venerável cujos descendentes se tornaram muito orgulhosos, desviando-se da Verdade. A palavra inglesa Philistine está conectada com isso e é tomada como uma falta de cultura, apontam alguns autores.
- Guatemala vem da palavra Guatamalaya, que significa “a morada do santo Gautama”, um nome sânscrito de um santo védico.
Na área da moeda há muitos termos que se usam hoje em dia. Isto prova que o sânscrito era a linguagem mundial durante milhões de anos. Por exemplo, o termo sânscrito para as moedas é panas, este termo se transformou em paisa, uma palavra muito comum na Índia. Dita palavra tem dois significados: um é um montinho de moedas básico e o outro corresponde a toda a riqueza que alguém possui.  A palavra francesa piastra provém também de paisa. Em Espanha e territórios com influência espanhola podemos ver que existe a mesma palavra pronunciada como peso; este termo se transforma em pence, na moeda britânica.
O termo shilling provem do sânscrito Shivling, e indica umas moedas que existiam na Grã Bretanha antiga e que estavam estampadas com a figura do “Shiva Linga”. A libra esterlina ou “pound sterling” é proveniente do termo sanscrito “Poundra Sterling”, na antiga tradição sânscrita o termo “poundra” significa um alto valor ou classificação. O termo star denominava o nível e o termo ling se refería á impressão de Shiva Linga,  portanto o termo Pound Sterling se referia a uma moeda de alta qualidade que também era sinal de santidade e pureza.
A palavra coin tomou forma da palavra sanscrita kanak, que ignifica “ouro”. O ouro era um dos metais mais importantes para a manofatura de moedas. A palavra inglesa cash vem do sanscrito kasa, que se refere ao bronce, outro metal utilizado no sistema de moedas. A palavra money provem do termo sanscrito mana que era usado como uma moeda de ouro antiga. Na India, o termo rupee provem da palavra sanscrita raupyam que quer dizer “prata”.
O termo sânscrito ruler é conhecido como raja e a moeda emitida baixo sua autoridade acostumava se chamar rayal. Rial é a moeda corrente da Arábia Saudita que é a pronúncia árabe do termo rayal. Isto prova que nos tempos pré-islámicos, Arábia utilizava a língua sânscrita para ser administrada pelos kshatria-rajas (guerreiros e reis védicos); inclusive a palavra russa rubble toma seu nome do sanscrito raja-bal, ou força do reino.
No sistema do tempo, a mesma palavra time é uma modificação do termo sânscrito samay que era pronunciado como tamay, que como o tempo se transformou em time. Kala é a palavra sânscrita que descreve o tempo e a palavra calendar provem da palavra sânscrita kalantar, que significa “carta de divisões do tempo”. Igualmente, a palavra clock vem do sânscrito kala-ka, que significa gravadora de tempo. O sistema do tempo mesmo é parte da cultura védica. O cálculo de 60 segundos, 60 minutos também é parte das matemáticas védicas. De acordo com a computação védica 60 vipala fazem um pala e  60 palas fazem um ghati (24 minutos). O termo hour é uma má pronúncia do sânscrito hora que equivale a dois gathis e meio. Inclusive, a palavra day provem do sânscrito din, que significa dia.
Os termos am e pm também tem origem sânscrita. Em inglês eles se referen a “ante meridian” e “post meridian”, mas “ante” ou “post” meridian o quê? Isso é esclarecido quando realizamos que os termos am e pm são inicias das expressões sanscritas Arohanam Martandasya (the climbing of the sun ou a saída do sol) e Patanam Martandasya (the falling of the sun ou o pôr-do-sol) . Os dias da semana também se baseiam na ordem dada pela tradição védica, por exemplo: Sunday (chamado assim em honra ao Sol), Saturday (o dia de Saturno), monday (em honra á Lua) . Os nomes dos meses também estão baseados em palavras sânscritas: September é Saptamanber, October é Ashtamber, Novembro é Navamber e December é Dashamber. Ambar é o nome referido ao zodíaco, enquanto que sapta, ashta, nava e dasha representam os meses 7mo, 8vo, 9no e 10mo. Outros meses, inclundo January, é também chamado Januarius, (do latim Janus) que vem do sanscrito Ganesh Januarius, e está conectado linguísticamente ao sânscrito Gana-raja-eash. Isto explica porque Ganesh é adorado ao começo de qualquer ritual ou projeto, ou neste caso, ao começo de cada ano. Assim, o primeiro mês foi originalmente chamado Ganesh.
February era escrito pelos romanos como Februarius, o qual provém do sânscrito Pravaresh. Consequentemente, Februarius foi antes chamado Pravar, que significa “santo” ou “Senhor dos santos”. O termo March (março) vem do sanscrito Marichi, que é um dos nomes do Sol. O termo August, e inclusive o nome Augustus provem do nome do sábio Agatsya, quem era uma pessoa muito séria e equânime; assim a frase “August personality” deriva disso.
Como se mencionou anteriormente, o sistema matemático vem primeiramente da Índia. Inclusive, a plavara aritmethic provém do sanscrito artha-maatica, ou seja “o cálculo das transações monetárias”. A palavra Geometry corresponde o sanscrito jya-matra, que significa “medição da terra”. A palavra trigonometry vem do conceito sanscrito tri-gono-matra que significa medição tridimensional (three-dimensional measurement); se refere também a trikon-matra, que se refere a uma medida triangular.
A palavra physics provém do termo sanscrito pashya que significa “ver ou perceber com todos os sentidos”. Outros termos , como divide vem do sanscrito dwivide, enquanto que o termo add (somar), provém do conceito adhik.
A ciência botânica provem do termo sânscrito buta que quer dizer “a ciência acerca das plantas”. Dita ciência está diretamente relacionada com a prática do Ayurveda, que é conhecida com o termo jadi-buti, que quer dizer “raízes e plantas”. Os termos ingleses osteomalacia e osteoporosis provém do sanscrito ashti-mala, que se relacionam com as doenças dos ossos. A terminação inglesa stry encontrada em  conceitos como chemistry ou dentistry, é um termo sanscrito proveniente de shastra ou shastri, que quer dizer “ciência”. A ciência chamada gerontologia (gerontology) foi estudada na Cultura Védica e vem dos termos transcritos, gera, ou velhice (old age) e onto ou final da entidade vivente (end of living being). Inclusive a palavra inglesa cough pode fácilmente relembrar a palavra sânscrita kaf ou kapha que significa “muco”.
A palavra inglesa disciple provém do sanscrito deekshapal, que significa “o que permanece nas lições ensinadas”. Enquanto que a palavra synonym vem do sánscrito sama-nama que quer dizer “nome similar” (similar name). A palavra Moon, se transforma no termo sanscrito man, que se refere a mente. Astrólogicamente a Lua representa a mente de uma pessoa; por isso a segunda-feira é o dia que está relacionado com a lua (monday e moon). A palavra inglesa ignition provém do conceito Agni que serefere ao “Deus do fogo”. Da palavra sanscrita Pitar provém o conceito Father (pai).
Outros exemplos de palavras inglesas conectadas ao sanscrito:
-Sport, que provem do termo spardh  que significa competição.
-Sing e song provém da ciência musical sânscrita conhecida como Sangeet.
 -Regime vem do sânscrito rajyam, enquanto que Royal provem de Raja que significa Rei.
-Magestry vem do sanscrito Maha-ster, que reconhece a uma pessoa de alta ordem ou nível.
- Preach – Prachar
- Path – Path
- He – Sah
- Go – gama
- Utruth – unrita
- Two – dwi
- Four – Chatwar
- Seven – sapta
- Eight – ashta
- Decimal – dashmalava
- Octago – nashtakon
- Vesture – vastra
- Cent – shata
- Terra – dhara
- Night – naktam
- Adore – adar
- Mater dui – Matru Devi
- She – sa
- Come – agama
- Cow – gau
- Three – tri
- Five – panch
- Six – shad
- Nine – nava
- Decade – dashak
- Pentagon – panchakon
- Hand (mão) – hasta
- Internal – antarik
- Mind – mana
Assim, há muitos outros exemplos da presença do sanscrito nas palavras inglesas; ocorre o mesmo com línguas como o Latím, Persa e Grego. Muitos exemplos mostram a mesma influência, tal como o lituanês, cujas palavras coincidem notóriamente com o sânscrito. No entanto, os exemplos anteriores devem ser suficientes para mostrar o grande impacto que teve a Cultura Védica nas terras europeias.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Scroll To Top